Travessia Santos-Guarujá: SP investe R$ 3,9 milhões e recupera balsa

Compartilhar

SÃO PAULO – A Balsa FB-14, responsável pela travessia Santos-Guarujá, voltou a operar no litoral sul de São Paulo. Com capacidade para transportar 24 veículos e 96 pedestres, a embarcação recebeu investimento de R$ 3,9 milhões para adequação, modernização e reforma. As atividades, que também atendem a reivindicação do deputado Edmir Chedid (União), geraram 80 empregos.

Além da recuperação, o Departamento Hidroviário (DH), vinculado à Secretaria de Estado do Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística, também substituiu o chapeamento do casco e convés. Os motores de propulsão e reversores foram recondicionados e os equipamentos de comando e de monitoramento substituídos. O sistema elétrico de iluminação também foi trocado.

A travessia Santos-Guarujá é a maior do mundo em número de veículos transportados, com uma média diária de 14 mil. Em março deste ano, o Volume Diário Médio (VDM) registrado na travessia foi de 252 pedestres, 7.772 ciclistas, 14.072 veículos e 9.980 motos. “A recuperação da balsa tem sido exigida por moradores e turistas”, afirmou o parlamentar à época da reivindicação.

Redes Sociais
Facebook | Flickr | Instagram | TikTok | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
imprensa@edmirchedid.com.br
(11) 99952 1200

Rolar para cima