Programa Multisaúde oferece consultas especializadas a distância

Compartilhar

SÃO PAULO – O deputado Edmir Chedid (DEM) afirmou nesta sexta-feira (03) que o Programa Multisaúde, lançado pelo governo estadual, poderá agilizar o atendimento especializado à população. A meta, segundo o parlamentar, é reduzir o tempo de diagnóstico e de início de tratamento por meio de teleconsultoria com médicos de hospitais renomados do Estado, como os do Hospital Albert Einstein.

O piloto do programa, que conta com atendimento especializado na área de dermatologia, foi implantado há oito dias em uma Unidade Básica de Saúde (UBS) de Catanduva (Região Administrativa de São José do Rio Preto). “Este programa também já está ativo em outros cinco municípios desta região, como Itajobi e Novo Horizonte. A expectativa é de que avance rápido para todo o Estado”, declarou.

De acordo com o parlamentar – membro efetivo da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa (Alesp) –, profissionais da saúde estão utilizando um aplicativo desenvolvido especialmente para o programa. “Por meio deste aplicativo, médicos registram imagens de alterações na pele de cada paciente, bem como aspectos clínicos, e enviam o conteúdo para teledermatologistas”, complementou.

A partir da troca de informações, especialistas do serviço parceiro vão emitir laudos a distância e as sugestões terapêuticas, garantindo agilidade e eficiência. “O paciente poderá ter seu atendimento concluído na própria UBS, receber o encaminhamento para uma avaliação presencial com dermatologista em serviço de referência da região ou ser encaminhado para a realização de biópsia”, explicou.

 

Formação
Os profissionais da Atenção Básica de Saúde dos municípios envolvidos receberão um curso de formação para o uso do aplicativo e contarão com a experiência dos teleconsultores para a análise dos casos inseridos na ferramenta. Além da rapidez diagnóstica, o uso da tecnologia vai reduzir encaminhamentos e consultas desnecessárias. O objetivo é oferecer conforto a pacientes e médicos.

“A expectativa é de que possa chegar ainda neste semestre às Unidades Básicas de Saúde de municípios que integram o Circuito das Águas e a Região Bragantina. Por isso, já demonstramos ao governo estadual, por meio da Secretaria da Saúde, a disposição dos municípios em colaborar com o avanço deste projeto piloto, que poderá se tornar referência a todo o país”, finalizou Edmir Chedid.

 

Redes Sociais
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid2.hospedagemdesites.ws
(11) 99592 5118

Rolar para cima