Participação da Família Chedid no parlamento completa 60 anos

Compartilhar

SÃO PAULO – A posse do deputado Edmir Chedid (União) para o oitavo mandato consecutivo nesta quarta-feira (15) marcou também os 60 anos de atuação de um membro da família Chedid como representante no parlamento paulista. Em 1963, Nabi Abi Chedid, do Partido de Representação Popular (PRP), assumia uma vaga como deputado estadual após ter sido eleito com 6.883 votos.

Pai do ex-deputado federal Marquinho Chedid, irmão do ex-prefeito de Bragança Paulista, Jesus Chedid, tio de Edmir Chedid e do prefeito de Serra Negra, Elmir Chedid, e ex-esposo da ex-vereadora Beth Chedid, o então parlamentar foi reeleito deputado pela Aliança Renovadora Nacional (ARENA) em 1966, com 14.858 votos. Um momento especial à família e também para a Região Bragantina, que, enfim, ganhava seu primeiro representante no parlamento.

Em 25 de janeiro de 1968, participou das festividades de transferência da sede da Assembleia Legislativa do Parque D. Pedro II ao Palácio 9 de Julho, no Ibirapuera. “Nabi Abi Chedid foi testemunha do fechamento do parlamento pelo Ato Institucional nº 5, em 1969, tendo permanecido em recesso até 1970. Nesse período, 27 deputados e um suplente tiveram seus mandatos cassados e seus direitos políticos suspensos por 10 anos”, disse Edmir Chedid.

“Foi um político à frente de sua época. No parlamento, passou a defender os interesses dos que viviam no interior paulista. Pela primeira vez, a Assembleia Legislativa discutia ativamente demandas dos municípios do Circuito das Águas e da Região Bragantina, quebrando o paradigma de que o parlamento só tratava de questões relacionadas à capital paulista”, acrescentou.

Banco de Imagens, clique aqui

Mandatos
Nabi Abi Chedid obteve o terceiro mandato em 15 de novembro de 1970, pela Arena, com 25.575 votos; em 1974, concorreu mais uma vez e foi reeleito com 28.574 votos para o quarto mandato. Em 1978, foi reeleito para o quinto mandato, com 60.860 votos, também pela Arena – nesta legislatura (1975–1979) foi líder da Arena e do governador Paulo Egydio Martins na Assembleia Legislativa.

Candidatou-se e foi mais uma vez reeleito deputado estadual em 15 de novembro de 1982, com 86.470 votos para o sexto mandato, pelo PDS. Já pelo PFL, foi reeleito com 26.899 votos e assumiu o sétimo mandato em 1986 – entre 1985 e 1989 foi líder do PFL no parlamento paulista. Por seus pares, foi eleito 1º Secretário da Mesa Diretora do Poder Legislativo para o biênio 1989-1991.

O oitavo mandato obteve em outubro de 1990, pelo PFL, quando recebeu 50.050 votos; logo em seguida, em 1994, foi reeleito para o nono mandato pelo Partido Social Democrático (PSD), com 56.769 votos. Mais uma vez candidato a deputado estadual pelo PSD, em quatro de outubro de 1998 recebeu 37.058 votos e obteve uma suplência, mas assumiu no início da Legislatura.

Nabi Abi Chedid foi presidente nacional do Partido Social Democrático até a incorporação da legenda pelo PTB, em 2003. Integrou comissões permanentes e de inquérito (CPIs) da Assembleia Legislativa – entre 1995 e 2002, foi presidente da Comissão de Economia e Planejamento. O parlamentar faleceu em 29 de novembro de 2006, aos 74 anos de idade, em São Paulo.

Redes Sociais
Facebook | Flickr | Instagram | TikTok | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
imprensa@edmirchedid.com.br
(11) 99952 1200

Rolar para cima