Estradas: programa do Estado garante mais benefícios à Região Bragantina

Compartilhar

SÃO PAULO – Para garantir o conforto e a segurança de usuários que utilizam rodovias não concessionadas, o governo estadual confirmou nesta segunda-feira (21) a implantação do Programa Estrada Asfaltada. A iniciativa, que recebeu apoio do deputado Edmir Chedid (DEM) na Assembleia Legislativa (Alesp), terá cerca de R$ 1,8 bilhão em investimento até o fim do próximo ano.

De acordo com o parlamentar, as atividades de recuperação e os serviços de conserva especial nas rodovias serão executados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), vinculado à Secretaria de Estado de Logística e Transportes. “O intuito é promover melhorias na malha viária, fundamental para o desenvolvimento dos municípios do interior”, complementou.

Além disso, Edmir Chedid explicou que a intenção é readequar as rodovias não concessionadas às atuais condições de tráfego identificadas pelo DER nos últimos anos, como às relacionadas ao aumento do número de veículos. “A modernização do sistema viário está fundamentada nos estudos realizados pelo Departamento em parceria com as prefeituras”, destacou.

No Circuito das Águas e na Região Bragantina, conforme reivindicação do deputado Edmir Chedid, o Programa irá contemplar vias de Amparo, Artur Nogueira, Atibaia, Bragança Paulista, Campo Limpo Paulista, Holambra, Itapira, Jarinu, Joanópolis, Lindoia, Monte Alegre do Sul, Nazaré Paulista, Pinhalzinho, Piracaia, Santo Antônio de Posse e Socorro.

Imagem: Trecho da SP-360 (Rod. Eng. Constâncio Cintra), em Amparo, que será contemplado com a recuperação do pavimento.

 

Licitação
As obras e os serviços previstos no Programa Estrada Asfaltada serão licitados em um ou mais editais referentes a 150 trechos rodoviários do interior paulista. “A expectativa do governo estadual é que as atividades tenham início nos próximos meses. Afinal, esta iniciativa também vai gerar empregos à comunidade nesta retomada da economia”, garantiu o parlamentar.

Edmir Chedid também foi responsável por indicar benefícios às rodovias de Campinas, Itupeva, Jundiaí, Louveira, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo (Região Administrativa de Campinas); Piedade e Tapiraí (Região Metropolitana de Sorocaba), São Luiz do Paraitinga e Taubaté (Região Metropolitana do Vale) e General Salgado (Região de Governo de Araçatuba).

Disponível em Áudio

 

Rodovias
As rodovias beneficiadas pelo Programa Estrada Asfaltada serão a SP-008 (Rod. Cap. Bardoíno), entre Bragança Paulista, Pinhalzinho e Socorro; a SP-036 (corredor formado pela Rod. Jan Antonin Bata e Rod. José Augusto Freire), entre Joanópolis, Nazaré Paulista e Piracaia; e a SP-063 (Rod. Alkindar Monteiro Junqueira), entre Bragança Paulista e Itatiba.

Também irão receber recursos a SP-107 (Pref. Aziz Lian), entre Amparo, Artur Nogueira, Holambra e Santo Antonio de Posse; a SP-147 (Rod. Octavio de Oliveira Santos e Rod. Mons. Clodoaldo de Paiva), entre Itapira, Lindoia e Socorro; a SP-352 (Rod. Ver. Antonio Cazalini), entre Amparo e Itapira; a SP-354 (Rod. Edgard Máximo Zambotto), entre Atibaia, Campo Limpo Paulista e Jarinu; e a SP-360 (Rod. Eng. Constâncio Cintra), em Amparo.

Além disso, o parlamentar destacou os benefícios às rodovias de acesso da Região Bragantina, como a SPA-009/010 (Rod. João Hermenegildo de Oliveira – Variante do Guaripocaba), em Bragança Paulista; a SPA-113/008 (Rod. Américo Pedro Benedetti), em Pinhalzinho; e a SPA-137/360 (Rod. Profa. Pedrina Maria da Silva Valente), em Monte Alegre do Sul.

 

Redes Sociais
Facebook | Flickr | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid.com.br
(11) 99592 5118

Rolar para cima