Casa de Saúde Stella Maris reivindica recurso para custeio da entidade

Compartilhar

SÃO PAULO – A Casa de Saúde Stella Maris reivindicou nesta quarta-feira (22) ao deputado Edmir Chedid (DEM) a liberação de R$ 200 mil ao pagamento de despesas contraídas a partir de serviços prestados para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Mantida pelo Instituto das Pequenas Missionárias de Maria Imaculada (IPMMI), a entidade declarou estar em dificuldades financeiras.

Considerada referência no atendimento gratuito à comunidade de Caraguatatuba (Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte), a Casa de Saúde também atende moradores de municípios do entorno, como São Sebastião e Ubatuba, além de turistas. “Atualmente, 80% do total dos procedimentos que são realizados correspondem a usuários do SUS, segundo relatório da entidade”, disse.

O relatório foi apresentado ao parlamentar durante reunião com o vereador Elizeu Onofre da Silva (Ceará da Adega), promovida no Palácio 9 de Julho – sede da Poder Legislativo –, na zona sul da capital paulista, que contou ainda com a participação da assessora Carla Cristina Dionísio de Souza. “O vereador tem representado os pacientes do SUS e defendido investimentos à entidade”, afirmou.

Na ocasião, o vereador destacou que a liberação do recurso financeiro tem por finalidade garantir o atendimento à comunidade e ampliar as ações em benefício dos usuários do SUS. “Por esse motivo, o apoio do deputado Edmir Chedid é fundamental para que possamos manter as atividades da Casa de Saúde. A entidade tem se empenhado, mas sem o apoio externo ficará muito difícil”, concluiu.

Imagem: Edmir Chedid recebe documento do vereador Elizeu Onofre da Silva referente à entidade médica.

 

Casa de Saúde
A Casa de Saúde Stella Maris iniciou suas atividades em maio de 1952 com os serviços do consultório médico, de enfermaria e maternidade. Exatamente três anos depois, inaugurou a segunda etapa do empreendimento médico-hospitalar, composta por seis leitos de berçário; as salas de curativos, exames e Raio-X, assim como a câmara escura, foram inauguradas pela mantenedora em 1958.

 

Redes Sociais
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid2.hospedagemdesites.ws
(11) 99592 5118

Rolar para cima