Edmir Chedid reitera importância do Bom Prato para a Unicamp

Compartilhar

Parlamentar defendeu proposta durante audiência pública do orçamento realizada na Câmara Municipal de Campinas.

CAMPINAS – O Poder Legislativo, por meio da Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento (CFOP), analisará neste mês a proposta do deputado Edmir Chedid (DEM) referente à ampliação de unidades do Bom Prato, um programa de segurança alimentar, à Região Metropolitana de Campinas (RMC). A sugestão foi apresentada nesta sexta-feira, 15/09, durante a Audiência Pública do Orçamento 2018, que foi realizada na Câmara Municipal de Campinas.

Segundo o parlamentar, que presidiu a audiência pública, existem muitas solicitações no governo estadual em benefício dos 20 municípios que compõem a RMC. Também destacou a importância do Bom Prato aos pacientes, funcionários e estudantes do Hospital de Clínicas da Unicamp. “O programa foi criado com o intuito de oferecer à população refeições saudáveis e de alta qualidade a custo acessível, o que é fundamental aos que se utilizam do hospital”, garantiu.

Autor de diversas solicitações ao governo estadual, Edmir Chedid explicou ainda que há muitos pacientes de baixa renda atendidos pela unidade pública de saúde que não possuem recursos financeiros ou mesmo transporte próprio para utilizar os estabelecimentos comerciais localizados no entorno da universidade, no Distrito de Barão Geraldo. “Também existem funcionários e alunos na mesma situação que poderiam se beneficiar com o Bom Prato”, complementou.

A proposta de Edmir Chedid também foi apresentada ao reitor da Unicamp, Marcelo Knobel, que apoiou a iniciativa. Na ocasião, defendeu a necessidade de liberação de mais recursos financeiros para a Universidade Estadual de Campinas e às demais instituições públicas de ensino superior, como a USP. “A participação dos parlamentares será fundamental nesse processo de reestruturação das universidades públicas do Estado de São Paulo”, concluiu o reitor.

Disponível em Áudio | Disponível em Vídeo

Audiência Pública
Além do Programa Bom Prato, o deputado Edmir Chedid destacou a importância das demais sugestões apresentadas por representantes da sociedade civil organizada em benefício da Educação Superior. Ergon Cugler de Moraes Silva, um dos diretores da União Estadual dos Estudantes (UEESP), demonstrou sua preocupação com a falta de investimentos e recursos para a compra de equipamentos às Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e Escolas Técnicas (Etecs).

Na audiência pública, servidores públicos estaduais trataram sobre a necessidade de reajuste salarial aos professores e aposentados de diversas áreas da administração. Benedito Célio Sampaio, de Mogi Mirim, lamentou a falta de reconhecimento e de melhorias no Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe). Este também foi o tema do técnico legislativo Eduardo Quadros, que representou entidades ligadas ao funcionalismo público.

As sugestões à infraestrutura urbana integraram o discurso dos vereadores Hiroshi Bando, de Itatiba, e Luiz Carlos Rossini, de Campinas, bem como do jornalista Salvador Tadeu, de Bragança Paulista. Todos defenderam a importância dos recursos do governo para a manutenção e a ampliação das rodovias, como da SP-063 (Rod. Alkindar Monteiro Junqueira) – interliga Itatiba a Bragança Paulista – e da SP-008 (Rod. Cap. Bardoíno), entre Bragança e Socorro.

Airton Silva propôs o aumento dos recursos financeiros ao Programa de Ação Cultural (ProAC) do governo do Estado. O número de editais, de acordo com o representante de movimentos culturais, é menor se comparado aos lançados há cinco anos. “A Cultura está perdendo cada vez mais, o que nos deixa preocupados. Além disso, não temos mais como expandir no Estado de São Paulo os pontos de cultura, que possuem recursos financeiros do governo federal”.

Imagens

Evento
Além de Edmir Chedid, a Audiência Pública do Orçamento contou com a participação da deputada Célia Leão (PSDB) e do deputado Ênio Tatto (PT), membro efetivo da CFOP; a Câmara Municipal de Campinas foi representada pelo vereador Luiz Carlos Rossini. Este foi o 13º evento realizado pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) de um total de 25 previstos até o fim deste mês pela Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento (CFOP).

Acompanhe também pelo FacebookGoogle +InstagramTwitter e YouTube.
Pelo celular, Telegram e WhatsApp.

Anselmo Dequero | MTB 29.034
anselmo@edmirchedid2.hospedagemdesites.ws
11.99610 1419

Rolar para cima