TRE reitera importância do cadastro biométrico em 479 municípios paulistas

Compartilhar

SÃO PAULO – O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP) reiterou nesta terça-feira (06) que o cadastramento biométrico é obrigatório em 479 dos 645 municípios existentes no Estado; a declaração consta de documento encaminhado para o deputado Edmir Chedid (DEM). O eleitor deverá agendar horário para cadastrar a biometria no prazo definido pela justiça, sob a pena de ter o título cancelado.

De acordo com o parlamentar, a biometria é uma tecnologia que confere ainda mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. “Instalado junto à urna eletrônica, o leitor biométrico confirma a identidade de cada pessoa por meio das impressões digitais, armazenadas num banco de dados da Justiça Eleitoral; estas impressões digitais são transferidas para as urnas eletrônicas.”

Edmir Chedid disse que o procedimento é feito no momento do atendimento em cartório ou em posto da Justiça Eleitoral e envolve a coleta das impressões digitais, fotografia e assinatura digitalizada de cada pessoa, além da atualização dos dados constantes no cadastro. “Para isso, é necessário o prévio cadastramento no sistema para que o eleitor seja identificado por meio da digital nas eleições.”

Na ocasião, o parlamentar destacou a importância de se realizar o cadastramento biométrico antes do prazo final definido pela justiça. “Quanto mais cedo o eleitor fizer a biometria, menor o risco de formação de filas e de outros transtornos que tendem a surgir com a obrigatoriedade do cadastramento. É melhor procurar o serviço antes do prazo final, conforme solicitação do TRE-SP”, afirmou.

Para conhecer os municípios com biometria obrigatória, clique aqui.
Para agendar seu atendimento na justiça eleitoral, clique aqui.

 

Baixa Adesão
Edmir Chedid explicou que a baixa adesão ao cadastramento observada no Circuito das Águas e na Região Bragantina tem preocupado o Tribunal Regional Eleitoral. Em alguns municípios, apenas 30% do volume total esperado foi atingido desde o início das atividades. “O prazo em alguns locais simplesmente está chegando ao fim e ainda não foi atingido o número esperado pela justiça”, disse.

O parlamentar comentou que na maioria dos 479 municípios a biometria teve início em fevereiro deste ano. “É muito importante lembrar que os cidadãos que se inscreveram a partir do ano de 2015 devem verificar se no título de eleitor existe a inscrição ‘Identificação Biométrica’. Caso haja, estes não precisam passar por esse processo para realizar novamente o cadastramento”, complementou.

 

Redes Sociais
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid2.hospedagemdesites.ws
(11) 99592 5118

Rolar para cima