Municípios da Região Bragantina discutem Plano de Habitação

Compartilhar

SÃO PAULO – Os municípios do Circuito das Águas e da Região Bragantina voltaram a defender na quarta-feira (12) ao governo estadual a importância da retomada das discussões referentes aos planos habitacionais. A preocupação de gestores municipais foi tema de reunião promovida pelo deputado Edmir Chedid (DEM) com o secretário executivo de Estado da Habitação, Fernando Marangoni, no Palácio dos Bandeirantes – sede do governo estadual –, na zona sul da capital.

A reunião contou com representantes de 10 municípios – entre prefeitos e secretários – que demonstraram preocupação quanto ao déficit habitacional e à demanda futura por moradias, que serão necessárias para atender às famílias do interior. “É preciso garantir moradias para quem já está nos municípios. Quando se faz um conjunto habitacional, esses municípios recebem pessoas de fora, o que prejudica os que estão aguardando o benefício”, disse o parlamentar.

Edmir Chedid explicou que, para enfrentar a problemática em nível municipal, é preciso estruturar uma política que, segundo ele, deverá ser consolidada de modo integrado ao planejamento das políticas setoriais do governo estadual e da União. “Por isso, é importante que esses planejamentos municipais correspondam também aos planos regionais de habitação. Afinal, os modelos habitacionais em vigência sofreram alterações nos últimos anos”, complementou.

Na ocasião, o secretário executivo de Estado da Habitação garantiu que os desafios a serem enfrentados serão variados e deverão pressupor ações específicas aos municípios. “Esta reunião inaugurou um processo de integração regional no desenvolvimento urbano. Algo que o governo estadual busca, que é o apoio efetivo aos municípios no planejamento e no desenvolvimento urbano, principalmente quando ocorre em esferas regionais”, afirmou Fernando Marangoni.

Imagem: Edmir Chedid e Fernando Marangoni durante reunião em São Paulo.

 

Disponível em Áudio

 

Consana
Para a presidente do Consórcio de Saneamento Nossa Água (Consana), Denise Pinink Silva, que representou a demanda de parte dos municípios do Circuito das Águas e da Região Bragantina nesta reunião no Palácio dos Bandeirantes, cada realidade enseja uma ação diferente do poder público no setor habitacional. Neste sentido, garantiu que caberá às prefeituras a elaboração de planos habitacionais, que, em seguida, serão analisados pelo governo estadual.

“Acredito que, para uma primeira conversa, a reunião foi muito interessante, pois os prefeitos e os demais representantes puderam entender as regras atuais do setor habitacional. A partir de agora, faremos reuniões técnicas para tentar efetivamente compreender a demanda em nível regional. Por isso, faremos contato com cada município e criaremos um grupo técnico com seus representantes para desenvolver um plano regional de habitação”, comentou a presidente.

 

Disponível em Vídeo

 

 

Reunião
Além de Edmir Chedid e Fernando Marangoni, a reunião contou com os prefeitos de Itatiba, Douglas Augusto Pinheiro de Oliveira; de Joanópolis, Mauro Garcia; de Morungaba, Marco Antonio de Oliveira; de Pinhalzinho, Lauro de Lima; e de Serra Negra, Sidney Ferraresso. Bragança Paulista foi representada pelo secretário municipal de Planejamento, Marcelo Alexandre Soares da Silva, e pela presidente do Consórcio de Saneamento Nossa Água (Consana), Denise Pinink Silva.

A prefeitura de Jaguariúna foi representada pelo secretário de Governo, Valdir Parisi; a de Monte Alegre do Sul pela diretora de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Márcia Salzani. Pedreira foi representada pelo secretário municipal de Promoção Social e Turismo, Rodolfo Firmino de Souza Rossetti, pela assessora habitacional Ana Paula Dias e pelo vereador Alessandro Luís de Godoy (Mole). A secretária de Obras, Joseane Possidônio, representou a prefeitura de Tuiuti.

Por fim, integraram ainda as discussões os secretários de Obras e Serviços Públicos Hermínio Geromel Junior e de Segurança e Defesa do Cidadão Clovis Adriano Alves do Amaral, da prefeitura de Itatiba; a diretora de Controle Urbano de Interesse Social da prefeitura de Santo André, Roberta Tedesco, e também os assessores Demétrius Ítalo Franchi, da Câmara Municipal de Serra Negra, e Nelson Koki, da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp).

 

Redes Sociais
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

 

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid.com.br
(11) 99592 5118

Rolar para cima