Estado poderá implantar mais 30 leitos Covid-19 na Região Bragantina

Compartilhar

BRAGANÇA PTA. – O governo estadual poderá implantar mais 30 leitos de enfermaria e de UTI em Bragança Paulista exclusivos aos pacientes com Covid-19. A iniciativa, resultado de reivindicação do deputado Edmir Chedid (DEM), será formalizada por meio de parceria entre a prefeitura e a Universidade São Francisco (USF), que cedeu uma área com 3 mil m² para a implantação da unidade de tratamento.

De acordo com o parlamentar, a área integra o Centro de Simulação Realística dos cursos de graduação em saúde mantidos pela USF, localizado no Campus Bragança Paulista. “Portanto, os leitos não estarão vinculados ao Hospital Universitário (HUSF), mas à infraestrutura da universidade, que se tornou referência em nível regional no ensino-aprendizagem da área da saúde”, afirmou.

Edmir Chedid explicou que a abertura de mais leitos de enfermaria e de UTI se deve ao crescimento de casos registrados na Região Bragantina. “O número de infectados pelo coronavírus cresceu em praticamente todo o país. Por isso, para enfrentar esta segunda onda da transmissão da doença, atuamos a fim de garantir o acesso da comunidade ao atendimento gratuito”, complementou.

A disponibilização do Centro de Simulação Realística foi aprovada numa reunião entre o parlamentar e o Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa e Extensão (Proepe) da Universidade São Francisco, Dilnei Lorenzi. “A cessão desta área pela universidade é essencial para que possamos ampliar os leitos à região. Agora, precisamos do apoio do governo estadual para a liberação dos recursos”, disse o deputado.

Imagem: Edmir Chedid defende importância do investimento do Estado para garantir a parceria com USF.

 

Leitos
No início do mês, o parlamentar conseguiu a liberação de R$ 1,7 milhão para a implantação de mais 16 mais leitos de UTI à Região Bragantina, beneficiando Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Joanópolis, Nazaré Paulista, Pedra Bela, Pinhalzinho, Piracaia, Socorro, Tuiuti e Vargem. As UTIs foram implantadas na Santa Casa de Bragança Paulista (13 leitos) e no Hospital Novo Bragantino (03 leitos UTIs e 06 de enfermaria exclusivos aos pacientes com o coronavírus).

Desta forma, a Região Bragantina passou a contar com 49 leitos de UTI e 36 de enfermaria destinados aos pacientes com a Covid-19. “Estamos no pior momento da pandemia do coronavírus. Por isso, precisamos unir os esforços para garantir o atendimento à comunidade. Também devemos ressaltar a importância do apoio da comunidade no combate à disseminação do coronavírus”, finalizou.

 

Redes Sociais
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid.com.br
(11) 99592 5118

Rolar para cima