Estado anuncia R$ 1,2 bilhão no Programa Novas Estradas Vicinais

Compartilhar

SÃO PAULO – O governo estadual irá investir R$ 1,2 bilhão em obras de melhorias e serviços de recapeamento de estradas vicinais. A iniciativa, que recebeu apoio do deputado Edmir Chedid (DEM) na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), irá beneficiar 1,5 mil quilômetros de vias sob a responsabilidade das prefeituras.

Este investimento contempla as duas primeiras fases do Programa Novas Estradas Vicinais, criado para contribuir com a modernização do sistema viário municipal. “No total, serão 139 estradas vicinais somente nestas fases iniciais do programa, fundamental ao desenvolvimento do Estado”, disse o parlamentar.

Edmir Chedid afirmou também que a iniciativa poderá gerar cerca de 15 mil empregos, entre vagas diretas e indiretas, nos próximos dois anos. “O mesmo deverá ocorrer nas duas últimas fases. O investimento total no Programa será de R$ 2,5 bilhões para três mil quilômetros de estradas vicinais”, complementou.

Para garantir o escoamento da produção agrícola e a melhoria do acesso da comunidade da zona rural aos serviços públicos, o parlamentar indicou o benefício às estradas vicinais de 22 municípios, como Bom Jesus dos Perdões, Nazaré Paulista, Pedreira e Piracaia, no Circuito das Águas e na Região Bragantina.

O anúncio sobre o investimento no Programa Novas Estradas Vicinais e a licitação para contratação das empresas ocorreu durante evento no Palácio dos Bandeirantes – sede do governo –, com a participação do deputado Edmir Chedid, do governador João Doria (PSDB), do vice-governador Rodrigo Garcia (DEM), além de secretários de Estado, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

 

Áudio | Banco de Imagens

 

Primeira Fase
A primeira fase beneficiará as estradas EV MOR 354, entre Monte Mor e Campinas (Aeroporto de Viracopos – lote 1); EV Fioravante Carlotti, que interliga o Distrito Industrial à SP-095 (Rod. João Beira), em Pedreira (lote 3); EV 374, no Bairro dos Macucos, em Valinhos (lote 4); e a EV Antonio Carlos Magno, entre Serrado e Santa Cruz dos Lopes, em Itararé (lote 8).

Também serão contempladas as vicinais EV Lucas Nogueira Garcez, em Jacareí (lote 20); EV Prefeito João Zacchi e EV Adolfo João Traldi, em Cabreúva (lote 37); EV do Cipó, entre Embu-Guaçu e São Paulo (lote 39); EV 062-240, entre General Salgado e São João de Iracema (lote 40); e EV 040, que interliga Brotas a São Pedro (Patrimônio de Santo Antonio – lote 50).

 

Segunda Fase
A segunda fase irá contemplar 2,3 quilômetros da Estrada Vicinal Murilo de Almeida Passos, que interliga o Distrito Industrial à SP-065 (Rod. D. Pedro I), em Bom Jesus dos Perdões; além de quatro quilômetros da Estrada da Bocaina (CMP-040), entre o Bairro São Miguel e a BR-116 (Via Dutra), em Cachoeira Paulista, que são antigas reivindicações da comunidade.

Também irá beneficiar três quilômetros do trecho duplicado da estrada da Marginal do Rio Jundiaí, entre Campo Limpo Paulista e Várzea Paulista; a Estrada Municipal de Varjão, com seis quilômetros, entre o Bairro do Poste e o acesso à SP-330 (Via Anhanguera), em Jundiaí; e a Estrada Túnel das Águas Claras (Rio Acima, com 12 quilômetros), que fica em Nazaré Paulista.

O programa irá recuperar ainda três quilômetros da marginal do Rio Cachoeira, via de acesso à SP-036 (Rod. Pe. Aldo Bolini), em Piracaia; 16 quilômetros da estrada entre o Bairro Caieiras e a SP-125 (Rod. Oswaldo Cruz), em Taubaté; e 20 quilômetros da Estrada do Taboão do Parateí, que interliga a SP-088 (Rod. Pedro Eroles) à BR-116, entre Mogi das Cruzes e Santa Isabel.

 

Redes Sociais
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid.com.br
(11) 99592 5118

Rolar para cima