Covid-19: Edmir Chedid defende implantação de mais 10 leitos no HUSF

Compartilhar

BRAGANÇA PTA. – Para ampliar o atendimento aos pacientes diagnosticados com a Covid-19 e garantir o tratamento gratuito à comunidade, o deputado Edmir Chedid (DEM) reiterou nesta quinta-feira (03) à Secretaria de Estado de Saúde as reivindicações para a ampliação do número de leitos UTI-Covid e de enfermarias destinadas aos que contraíram doenças respiratórias – como a Influenza H3N2.

De acordo com o parlamentar, todos os leitos disponibilizados pelo governo estadual à Região Bragantina estão ocupados. Ao todo, existem 10 leitos UTI-Covid na Santa Casa de Bragança Paulista e sete na Santa Casa de Socorro. “O aumento do número de casos registrados resultou novamente na ocupação desses leitos, o que tem resultado na demora do atendimento no SUS”, disse.

Edmir Chedid afirmou que, ante o aumento de casos, poderão ser liberados recursos à instalação de mais 10 leitos UTI-Covid no Hospital Universitário São Francisco (HUSF), de Bragança Paulista. “Com esses 10 leitos, Bragança Paulista, por exemplo, poderá regularizar o atendimento à comunidade, principalmente a de baixa renda ou que vive em situação de vulnerabilidade social.”

O parlamentar reiterou ainda a importância de investimentos aos demais municípios do Circuito das Águas e da Região Bragantina, como Amparo e Atibaia. “Estes municípios também são referências na região e precisam do apoio do governo para enfrentar o aumento do número de casos registrados em todo o Estado de São Paulo. Sem esse apoio será muito difícil”, afirmou.

Distanciamento Social
O número de casos de Covid-19 aumentou em todo o Estado de São Paulo. Por esse motivo, Edmir Chedid lembrou que a comunidade deve manter as normas de segurança, como o uso correto de máscaras e o distanciamento social. “Em Bragança Paulista, são 30.404 casos confirmados de Covid-19 – segundo dados da prefeitura divulgados nesta quinta-feira (03)”, comentou.

O parlamentar explicou que o número de casos poderá crescer nos próximos dias, resultando no esgotamento iminente dos serviços públicos de saúde. “Por isso, todos temos responsabilidades. Estamos atuando a fim de garantir os leitos, mas todos devem continuar seguindo as orientações dos órgãos de saúde pública para evitar o contágio das doenças”, concluiu Edmir Chedid.

Redes Sociais
Facebook | Flickr | Instagram | TikTok | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Frank Toogood

Assessoria de Imprensa
imprensa@edmirchedid.com.br
(11) 99592 5118

Rolar para cima
Precisa de ajuda?