Nazaré Pta. destaca atuação de Edmir Chedid em benefício ao município

Compartilhar

SÃO PAULO – O prefeito Murilo Pinheiro destacou nesta segunda-feira, 30/10, em entrevista aos veículos de comunicação social a importância da atuação do deputado Edmir Chedid (DEM) na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) em relação à autoria do Projeto de Lei 276/2017, que classifica Nazaré Paulista como Município de Interesse Turístico (MIT).

Nazaré Paulista recebeu a denominação a partir dos argumentos apresentados pelo parlamentar, que destacou a importância das cachoeiras, nascentes e represas localizadas em nível municipal. Esse conjunto forma um parque de diversões para a prática de esportes náuticos, passeios de barco, mergulho e pesca esportiva conforme documento discutido pelo Poder Legislativo.

“Este é um município turístico, uma referência maravilhosa. Além do atrativo proporcionado pela represa, temos ainda que destacar as atividades rurais e religiosas, que atraem grande público para Nazaré Paulista. Hoje temos até uma rede hoteleira especializada e preparada para receber o turista, como no carnaval. Nesta época, recebemos até 40 mil pessoas”, disse o prefeito.

Murilo Pinheiro declarou também que a contribuição do deputado Edmir Chedid em sido fundamental ao desenvolvimento de programas e projetos sociais implementados pela administração municipal, bem como os destinados para o turismo. “O deputado Edmir Chedid é fundamental para o município e à região. Agradecemos o empenho dele pelo município”, complementou.

Além de Nazaré Paulista, também foram classificados como MIT Altinópolis, Araras, Araraquara, Areias, Cabreúva, Campina do Monte Alegre, Cardoso, Cruzeiro, Itapuí, Itupeva, Jaú, Lençóis Paulista, Limeira, Lins, Mairiporã, Mira Estrela, Mogi das Cruzes, Novo Horizonte, Rancharia, Registro, Riolândia, Rosana, Santa Branca, Santa Cruz do Rio Pardo, Santo Expedito, São Simão, Tabatinga, Tambaú, Uchôa e Votuporanga.

?MITs
Para que seja considerada de Interesse Turístico, o município deve comprovar atrativos turísticos, atendimento médico emergencial, serviço de hospedagem e de alimentação, informações turísticas e abastecimento de água potável e esgoto. A classificação garante a cada uma das administrações municipais o recebimento anual de R$ 650 mil. A proposta é que, além das 70 estâncias já existentes no Estado, outros 140 municípios sejam incluídas na categoria.

Vinte deles já haviam sido classificados no primeiro semestre: Agudos, Barretos, Brodowski, Buritama, Espírito Santo do Pinhal, Guararema, Iacanga, Jundiaí, Martinópolis, Monte Alto, Pedreira, Piedade, Rifaina, Rubineia, Sabino, Sales, Santa Isabel, Santo Antonio da Alegria, Tapiraí e Tatuí.

Acompanhe também pelo FacebookGoogle +InstagramTwitter e YouTube.
Pelo celular, Telegram e WhatsApp.

Anselmo Dequero | MTB 29.034
anselmo@edmirchedid2.hospedagemdesites.ws
11.99610 1419

Rolar para cima