Emendas à LDO indicam mais repasse de recursos à saúde pública

Compartilhar

Edmir Chedid afirmou que 33 parlamentares apresentaram suas emendas à Lei de Diretrizes Orçamentárias.

SÃO PAULO – O Poder Legislativo, por meio da Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento (CFOP), irá discutir na próxima quarta-feira, 28/06, o relatório final com as emendas à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Este documento possui 950 sugestões – número esperado pela CFOP –, a maioria relacionada ao repasse de recursos à saúde, educação e infraestrutura viária.

De acordo com o relator da LDO, deputado Edmir Chedid (DEM), 33 parlamentares de todos os partidos políticos com representatividade na Assembleia Legislativa (Alesp) apresentaram emendas à LDO. “A partir desta atuação parlamentar, fizemos a análise e elaboramos um relatório para que a Comissão possa fazer a avaliação e, desta forma, encaminhá-lo à votação final”, afirmou.

Edmir Chedid explicou que a maior parte das emendas à LDO está relacionada ao aumento do repasse de recursos financeiros do governo estadual às áreas da saúde, educação e infraestrutura viária. “Há muitas solicitações de verbas para a manutenção de estradas vicinais, que, mesmo sob a responsabilidade dos municípios, dependem de recursos adicionais do governo”, afirmou.

A elaboração do relatório final ocorre com base num documento produzido a partir da série de reuniões com lideranças políticas. De acordo com o parlamentar, as bancadas indicaram suas prioridades à LDO desde o início das discussões há dois meses. “Desta forma, acredito que o relatório final possa conter o maior número de emendas em benefício da comunidade”, finalizou.

Disponível em Vídeo

Acompanhe também pelo FacebookGoogle +InstagramTwitter e YouTube.
Pelo celular, Telegram e WhatsApp.

Anselmo Dequero | MTB 29.034
anselmo@edmirchedid2.hospedagemdesites.ws
11.99610 1419

Rolar para cima