Agricultura poderá incluir mais três municípios no Melhor Caminho

Compartilhar

Programa poderá beneficiar Adamantina, Morungaba e Piedade; medida atende reivindicação de Edmir Chedid.

SÃO PAULO – A Secretaria da Agricultura e Abastecimento poderá incluir mais três municípios no Programa Melhor Caminho – Pontos Críticos, conforme solicitação do 2º secretário do Poder Legislativo, deputado Edmir Chedid (DEM), cuja iniciativa tem por intuito promover a readequação de estradas rurais. A confirmação ocorreu na quarta-feira, 30/3, por meio de documento encaminhado à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp).

De acordo com a indicação do parlamentar, deverão receber os benefícios previstos pelo programa as prefeituras de Adamantina (RA de Pres. Prudente), Morungaba (Região Metropolitana de Campinas), além de Piedade (Região Metropolitana de Sorocaba). “A expectativa é que os recursos sejam aprovados ainda neste semestre a fim de contemplar estes municípios”, complementou.

Edmir Chedid explicou que a Secretaria investiu R$ 27,6 milhões no fim do ano passado na primeira fase do programa, que incluiu 43 municípios com 452,9 quilômetros de estradas rurais. Deste total, dois estão localizados na Região Administrativa de Campinas (Espírito Santo do Pinhal e Holambra).

“As prefeituras precisam do apoio do governo do Estado, por meio da Secretaria, para recuperar trechos que estão em condições de tráfego prejudicadas pela falta de manutenção e principalmente pela erosão provocada pelo excesso de chuvas registrado no início deste ano. Por isso, defendemos a inclusão dos três municípios no Programa Melhor Caminho – Pontos Críticos”, disse.

Aprimoramento
O parlamentar declarou que, para assegurar a manutenção das obras, garantindo os instrumentos de preservação de solo e água, a Secretaria também vai multiplicar seu conhecimento em readequação de estradas rurais, ensinando aos técnicos dos municípios como realizar de forma correta as obras nestas vias. “A ação será completa conforme preocupação que demonstramos ao governo do Estado no argumento do documento protocolado na Secretaria”, concluiu.

Acompanhe também pelo FacebookGoogle +InstagramTwitter e YouTube.

Anselmo Dequero | MTB 29.034 SP 
imprensa@edmirchedid2.hospedagemdesites.ws
11.99610 1419

 

Rolar para cima