Iamspe: Estado poderá firmar convênio com Hospital Bragantino

Iamspe: Estado poderá firmar convênio com Hospital Bragantino

2 de setembro de 2021

SÃO PAULO – O Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) declarou nesta quarta-feira (01) que poderá firmar convênio com o Hospital Bragantino para atender os pacientes do Circuito das Águas e da Região Bragantina. A medida atende a reivindicação do deputado Edmir Chedid (DEM), que tem defendido a retomada dos serviços prestados pela autarquia no interior.

A defesa ocorreu durante reunião entre o parlamentar e o superintendente do Iamspe, Wilson Modesto Pollara, promovida na sede da autarquia, em São Paulo. “Esta foi a oportunidade para reiteramos a preocupação com o servidor estadual. Afinal, há mais de um ano as atividades foram suspensas em Bragança Paulista, prejudicando muitos profissionais que atuam no Estado”, completou.

Edmir Chedid afirmou que a suspensão do atendimento aos servidores públicos estaduais, que ocorria por meio de convênio com o Hospital Universitário São Francisco (HUSF), contribuiu para o aumento da demanda registrada na rede pública municipal de saúde. “As Unidades Básicas de Saúde, bem como hospitais e Santas Casas, passaram a atender os funcionários do Estado”, disse.

De acordo com o parlamentar, a retomada do atendimento prestado pelo Iamspe poderá ocorrer no Hospital Bragantino. “A expectativa é de que esta unidade de saúde possa firmar convênio com o Instituto a fim de garantirmos o atendimento na saúde aos profissionais do Estado, como os professores e policiais. As tratativas serão realizadas neste mês, conforme o Estado”, comentou.

Imagem: Deputado Edmir Chedid, Wilson Modesto Pollara e diretor do Hospital Bragantino, Roberto Schahin.

 

Reunião
Além do deputado Edmir Chedid e do superintendente do Iamspe, Wilson Modesto Pollara, também participaram da reunião o diretor do Departamento de Convênios do Instituto, Antonio Jayme Paiva Ribeiro, e o diretor do Hospital Bragantino, Roberto Schahin.

 

Iamspe
O Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual, vinculado à Secretaria de Estado de Projetos, Orçamento e Gestão, atende a 1,3 milhão de usuários por meio de uma rede própria e credenciada em municípios do interior e litoral. Em Bragança Paulista, o convênio com o HUSF foi suspenso em 01º de agosto de 2020, o que resultou em prejuízos aos servidores públicos.

 

Redes Sociais
Facebook | Flickr | Instagram | TikTok | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

 

Informações:
Anselmo Dequero
Frank Toogood
Assessor de Imprensa
imprensa@edmirchedid.com.br
(11) 99592 5118