Bragança Paulista terá mais quatro escolas estaduais em tempo integral

Bragança Paulista terá mais quatro escolas estaduais em tempo integral

5 de novembro de 2020

BRAGANÇA PTA. – O Programa de Ensino Integral (PEI) desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação será expandido em Bragança Paulista. A partir do próximo ano, o número de unidades públicas nesta modalidade passará de dois para seis, conforme interesse demonstrado ao governo. A confirmação ocorreu nesta quinta-feira (05), no Palácio dos Bandeirantes – sede do Poder Executivo –, em São Paulo.

A iniciativa irá contemplar alunos da EE Casper Líbero, na Vila Motta; EE D. Bruno Gamberini, no Jd. São Miguel; EE Profª. Mathilde Teixeira de Moraes, no Pq. dos Estados; e EE Prof. Sebastião Ferraz de Campos, no Toró. A EE Prof. Luiz Roberto Pinheiro Alegretti, no Jd. São Lourenço, e a EE Profª Maria José de Moraes Salles, no Matadouro, já funcionam na modalidade de ensino integral.

De acordo com o deputado Edmir Chedid (DEM), estas quatro unidades de ensino tiveram que se adequar aos critérios estabelecidos pela Secretaria de Estado a Educação, como possuir mais de 12 salas de aulas e atender a uma comunidade com maior vulnerabilidade socioeconômica. “Uma iniciativa importante que pretendemos expandir para os demais bairros de Bragança Paulista”, completou.

O parlamentar explicou ainda que a política de ensino em tempo integral é considerada uma prioridade para o governo estadual. “Por esse motivo, estou atuando na Assembleia Legislativa (Alesp) para aprovar os programas e projetos que possam resultar em melhorias às unidades que já integram o PEI, assim como para ampliar o número de escolas públicas em tempo integral no Estado”, disse.

 

Benefícios
Além das quatro unidades de ensino de Bragança Paulista, a EE Narciso Pieroni, de Socorro/SP, também irá oferecer ensino integral aos alunos. Estas unidades integram a Diretoria de Ensino de Bragança Paulista e irão atender aos alunos dos anos finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio. “A carga horária é de até 9h30 – na rede regular, a jornada é de 5h15”, finalizou Edmir Chedid.

Pelo Programa de Ensino Integral, os alunos passam a ter uma matriz curricular diferenciada, que inclui projeto de vida, orientação de estudos e de práticas experimentais. Também terão acesso a clubes juvenis conforme os temas de interesses comuns (dança, debates, xadrez etc.). Também irão frequentar disciplinas eletivas escolhidas de acordo com seus objetivos de carreira profissional.

 

Redes Sociais
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube.
Pelo celular, no WhatsApp.

Informações:
Anselmo Dequero
Assessor de Imprensa
jornalismo@edmirchedid.com.br
(11) 99592 5118