04 de janeiro de 2018

São Paulo propõe reajuste salarial aos servidores públicos estaduais

SÃO PAULO - O piso salarial dos servidores públicos estaduais será reajustado em 3,5%, de acordo com proposta do Poder Executivo anunciada nesta quinta-feira, 04/01. A medida irá valer a partir de 1º de fevereiro. Professores e servidores da área da segurança pública – policiais Civis e Militares – terão reajustes maiores aos dos demais funcionários, de 7% e 4%, respectivamente.

O reajuste, que contempla solicitação do deputado Edmir Chedid (DEM), irá beneficiar todos os 1,01 milhão de servidores públicos estaduais, incluindo os aposentados e pensionistas. “O Projeto de Lei também estabelece que o mesmo percentual de 3,5% seja devidamente aplicado ao piso salarial dos servidores da administração direta e autárquica do Estado”, comentou o parlamentar.

De acordo com Edmir Chedid, haverá ainda aumento de 50% no valor do auxílio alimentação dos servidores públicos que recebem até R$ 3.543,87, conforme prevê decreto do governo estadual. “Os valores estão abaixo aos exigidos pelos profissionais e à qualificação da maioria dos que atuam no governo estadual, mas foi o ideal ante a crise econômico-financeiro”, complementou.

O texto do Projeto de Lei também amplia a faixa de servidores que recebem o auxílio alimentação para os que ganham salário de até R$ 3.777,90. “A justificativa para o reajuste foi o de melhora na arrecadação do Estado, que teve alta de 0,3% no segundo semestre de 2017 em comparação com o ano anterior. Os estudos são da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão”, finalizou.
 

Acompanhe também pelo FacebookGoogle +InstagramTwitter e YouTube.
Pelo celular, Telegram e WhatsApp.



Anselmo Dequero | MTB 29.034
anselmo@edmirchedid.com.br
11.99610 1419



Outras opções: voltar imprimir