28 de abril de 2016

Antigo sanatório de Amparo poderá abrigar hospital do câncer

Objetivo é reaproveitar prédio do Sanatório Ismael para implantação de uma unidade regional de tratamento especializado.


SÃO PAULO - O Poder Executivo, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, deverá analisar requerimento do deputado Edmir Chedid (DEM) que trata da reabertura e utilização do prédio onde funcionou o hospital psiquiátrico Sanatório Ismael, em Amparo (Região Administrativa de Campinas). A proposta, que também atende reivindicação do vereador Rogério Catanese, tem por finalidade a implantação de um hospital regional de combate ao câncer no local.

O parlamentar explicou que o imóvel, localizado na região central, se encontra ocioso há cerca de quatro anos, e que a proposta de reabertura do prédio representa uma oportunidade de o município disponibilizar à comunidade uma unidade avançada para tratamento gratuito contra a doença.

Segundo Edmir Chedid, a solicitação tem como base relatório, encaminhado à Assembleia Legislativa (Alesp), que aponta a importância de atendimento especializado na região. “Esse documento apresentado pelo vereador Rogério Catanese mostra que esse serviço é essencial aos municípios da Região Bragantina e do Circuito das Águas”, destacou.

Fundado em maio de 1955, o Sanatório Ismael atendeu durante 57 anos até ter suas atividades interrompidas em novembro de 2012. À época, a unidade contava com 120 funcionários. “A ideia, sobretudo, é reaproveitar a ampla estrutura do prédio, que também precisará passar por readequações, para que o espaço esteja em boas condições de abrigar um hospital regional de combate ao câncer”, concluiu.

Acompanhe também pelo FacebookGoogle +InstagramTwitter e YouTube.




Marlon Maciel | MTB 33.154 SP
imprensa@edmirchedid.com.br
11. 4033 2892 | 11. 4033 6845



Outras opções: voltar imprimir